nome_imagem
nome_imagem
Publicidade
nome_imagem nome_imagem
nome_imagem
nome_imagem

Cadastre-se e receba nosso Boletim Diário

nome_imagem
nome_imagem

Prefeitura irá fiscalizar pontos de mototaxistas


Uma força-tarefa composta pelos departamentos de Trânsito, Transporte Público e de Controle Urbanístico da Prefeitura de Passos e Polícia Militar irá fiscalizar os pontos de mototaxistas na cidade nos próximos dias. A ação foi definida há uma semana e faz parte do processo de regulamentação do serviço em Passos, que está na fase de credenciamento das centrais de mototáxis.

Segundo o diretor do Departamento de Transporte Público, Gérson Ferreira da Silva, visa coibir a atuação dos mototaxistas que não cumprem a legislação federal e municipal. Também vão ser inspecionados na fiscalização os equipamentos de uso obrigatório previstos pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

“Serão fiscalizados os pontos-bases de mototáxis disponibilizados pela Prefeitura e também os locais, estacionamentos de motos, que os mototaxistas irregulares utilizam como ponto. Vamos verificar também se eles estão de acordo com a resolução federal do Contran”, disse Gérson Ferreira.

O dia em que será iniciada a fiscalização não será divulgado, para que os ilegais possam ser surpreendidos nos pontos clandestinos.

Nos últimos três anos, a Prefeitura, através da Secretaria de Planejamento e do Departamento de Transporte Público, promoveu cinco processos seletivos para o credenciamento e regularização dos mototaxistas. Ao todo, 333 candidatos foram aprovados para um universo de 374 vagas – estabelecidas por lei municipal. Entretanto, nem todos os aprovados cumpriram a etapa seguinte do processo e permaneceram irregulares.

A seleção mais recente ocorreu em agosto de 2015, quando ainda restavam 113 vagas. O quadro atual do serviço de mototáxi no município é de 213 vagas ocupadas regularmente. A estimativa do Departamento de Transporte Público é que pelo menos 120 mototaxistas são irregulares em Passos.

A regulamentação da atividade no município também passa pelo credenciamento das empresas de apoio ao serviço, ou seja, as centrais de mototáxi. O processo foi realizado em abril e encontra-se em fase de recurso de alguns estabelecimentos em relação ao resultado da fase de habilitação. Quando esse processo terminar, as centrais também serão fiscalizadas.

COMO IDENTIFICAR UM MOTOTÁXI REGULAR

- Possui habilitação para transporte de passageiros
- Colete e capacete com numeração do alvará
- Adesivo e selo de identificação do Departamento de Transporte Público
- Inscrição “Mototáxi” nas laterais do tanque de combustível
- Moto com placa vermelha
- Moto com menos de sete anos de fabricação
- Capacidade até 250 cilindradas
- Pneus e sistema elétrico em boas condições
- Protetor contra queimadura
- Mata-cachorro
- Antenas corta-pipa

*Com informações da Prefeitura de Passos

Postado por Passos 24 Horas on 19:23. Marcadores , . Adicionar aos favoritosRSS 2.0

Postagens Recentes

Passos 24 Horas

nome_imagem

Diversos