nome_imagem
nome_imagem
Publicidade
nome_imagem nome_imagem
nome_imagem
nome_imagem

Cadastre-se e receba nosso Boletim Diário

nome_imagem
nome_imagem

Deputado Cássio Soares cobra recursos para Santa Casa de Passos e Piumhi


Por intermédio do deputado estadual Cássio Soares, diretores da Santa Casa de Passos e de Piumhi foram recebidos pelo secretário de Estado de Saúde, Sávio Souza Cruz. Os hospitais reclamam repasses em atraso e baixo valor no preço pago pelas diárias de UTI, o que está gerando insustentabilidade na manutenção de todos serviços do hospital. 

Apesar de assuntos em comum, as duas reuniões foram realizadas separadamente e cada caso foi tratado na presença do deputado. Os encontros aconteceram na manhã da última quinta-feira, 2 de fevereiro, na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte. De Passos, estiveram presentes o provedor do hospital, Vivaldo Soares Neto, e o diretor administrativo Daniel Porto Soares.

Atualmente, o valor repassado à Santa Casa de Passos é de R$ 478 por diária, porém o custo é de aproximadamente R$ 1,2 mil, gerando um déficit diário superior à R$ 34 mil, que já acarretou no fechamento de 10 leitos adultos e 10 neonatais. 
"Essa diferença gera um alto déficit diário à Santa Casa, que acaba não suportando manter os serviços. Por isso, junto com representantes do Hospital e da cidade, detalhamos a situação do Hospital ao secretário de Saúde e cobramos soluções definitivas para este grave problema”, afirmou o deputado. 

O secretário apontou a situação financeira deficitária do Governo de Minas, mas afirmou que irá buscar uma forma de repassar parte dos atrasados e um estudo para buscar o aumento no valor da diária. “Mesmo que o Estado esteja vivendo um período de crise financeira, a área da saúde não pode ser deixada de lado, e por isso, iremos cobrar até que uma solução definitiva seja anunciada", destacou Cássio Soares.

Os 28 leitos adultos da UTI da Santa Casa de Passos foram conquistados por intermédio do deputado, que buscou junto ao governo o recurso de R$ 3,1 mi. Atualmente, apenas 18 estão sendo disponibilizados.

Piumhi
Conforme o compromisso firmado na visita a Piumhi, realizada na última segunda-feira, o deputado Cássio Soares agendou a reunião com o secretário de saúde para discutir especificamente a situação da Santa Casa do município e cobrar melhorias nos repasses do Estado. “A nossa maior esperança era que o governo anunciasse o pagamento dos repasses atrasados, uma dívida grande que está prejudicando muito o nosso trabalho aqui na Santa Casa. Hoje, o Hospital está com várias atividades paralisadas, os fornecedores não estão repassando equipamentos e medicamentos, o que praticamente paralisa toda a unidade”, afirmou o provedor José Ismar.  

A grave crise financeira vivenciada pela Santa Casa, se originou primordialmente de um deficit diário, gerado pela inadequação do valor pago para a diária da UTI, que acarretou no fechamento de 10 leitos. Ao todo, o hospital apresenta um saldo negativo de R$ 1,2 milhão. “Neste momento delicado, contamos muito com o apoio do deputado Cássio e agradecemos ao empenho dele, que está se esforçando neste processo de cobrança e busca por recursos”, completou o provedor.

"O povo merece uma Santa Casa mais forte, que continue oferecendo serviços de qualidade, não podemos deixar que leitos sejam fechados, precisamos lutar é para que aumente a prestação de serviços. Assim, o foco do meu trabalho será garantir novamente à Santa Casa as condições necessárias para atendimentos amplos e de qualidade", destacou o deputado Cássio Soares.

Além do provedor da Santa Casa, José Ismar, De Piumhi, foram Prefeito Deco do Stalo; vereadora Shirley Gonçalves; vereadores Júnior Boi e Guininho; gerente administrativa Márcia Arantes; o ex-secretário de saúde de Betim, Razível Reis; e o assessor Frank Almada.

Por Ascom/Deputado Cássio Soares

Postado por Passos 24 Horas on 11:13. Marcadores , . Adicionar aos favoritosRSS 2.0

Postagens Recentes

Passos 24 Horas

nome_imagem

Diversos