[Fechar]

.....

.....
nome_imagem
nome_imagem
Publicidade
nome_imagem nome_imagem
nome_imagem
nome_imagem

Cadastre-se e receba nosso Boletim Diário

nome_imagem
nome_imagem

Departamento de Trânsito da Prefeitura de Passos estuda instalar radares na cidade


Os vereadores da Câmara Municipal de Passos ouviram hoje à tarde (17 de maio) os encarregados do Departamento de Trânsito da Prefeitura Municipal, debatendo demandas, propostas e projetos de melhorias para o setor. O diretor do órgão, Olney Bruno da Silveira Júnior, revelou que a administração projeta a instalação de radares em 20 pontos da cidade, como forma de disciplinar o tráfego e coibir abusos.
A reunião, realizada na Sala dos Conselhos, foi agendada pela Comissão de Administração Pública e Políticas Urbana e Rural, presidida pelo vereador Raimundo Leandro (PR) e composta pelos vereadores Alex Bueno (PSD) e Iran Parreira (PMDB). Compareceram também  Téo Lemos (PSD), Aline Macedo (Aline do Social/PR) e Erick Silveira (PMDB).
Os vereadores cobraram respostas para pedidos de instalação de redutores de velocidade, melhorias de faixas de pedestres, sinalização, entre outros problemas, que a população apresenta como necessidades. O vereador Alex Bueno abriu o encontro, salientando a necessidade do estreitamento de laços e diálogo permanente com o Departamento de Trânsito, dado que as demandas são muitas e a comunidade cobra por respostas.

Soluções
O vereador Raimundo Leandro defendeu que alguns locais exigem soluções urgentes, citando o cruzamento da rua Gonçalves Dias com rua Etiópia, onde segundo ele a dificuldade de travessia requer a instalação de um semáforo. O vereador Iran Parreira cobrou uma solução para a rua Boa Vista, a fim de diminuir riscos para os pacientes que utilizam o Gapop. Erick Silveira, por sua vez, defendeu o sistema binário.
A vereadora Aline Macedo cobrou agilidade nas respostas a requerimentos que têm sido aprovados. Téo Lemos disse que a Câmara tem recebido cobranças de toda a cidade, que são muitos querendo a colocação de redutores de velocidade.
Conforme colocações do diretor Olney, os pedidos aprovados pela Câmara estão sendo analisados, mas disse que o Departamento tem dificuldades de recursos. Olney revelou sobre diversos projetos em estudos, explicando que especificamente sobre pedidos para redutores há um entendimento que não são a melhor saída.

Parcerias

A chamada “travessia elevada”, ao invés dos redutores, no entendimento do Departamento, funciona melhor em benefício principalmente dos pedestres. Nesse contexto, de acordo com o dirigente, o Departamento tem buscado parcerias com algumas instituições e encomendou projeto à Secretaria de Obras para a implantação das travessias em regiões como a da Santa Casa e campus do Ifsuldeminas.
Ainda sobre o tema, ele disse que a Prefeitura inovou exigindo as travessias elevadas na aprovação de novos loteamentos, ao invés dos redutores.
Há intervenções já definidas também, segundo o diretor, para o cruzamento das ruas Gonçalves Dias e Etiópia, na área central, e para a avenida da Penha, onde com o crescimento do fluxo  os acidentes tem sido constantes. Nos dois locais serão instalados semáforos e o primeiro deles estará sendo priorizado para a avenida da Penha.
Olney afirmou que a fiscalização é deficitária, por isso o Departamento está buscando maior parceria com a Polícia Militar. Com o objetivo de intervenções em outros locais de fluxo com grandes problemas, como a avenida Dona Liquinha Silveira, o Departamento iniciou estudos para a colocação de radares, que além de multas para os infratores devem ajudar no monitoramento de segurança pública.

Por Ascom/Câmara Municipal de Passos

Postado por Passos 24 Horas on 20:11. Marcadores , . Adicionar aos favoritosRSS 2.0

Postagens Recentes

Passos 24 Horas

nome_imagem

Diversos