nome_imagem
nome_imagem
Publicidade
nome_imagem nome_imagem
nome_imagem
nome_imagem

Cadastre-se e receba nosso Boletim Diário

nome_imagem
nome_imagem

Bitcoin recua 18% por temores de repressão; criptomoedas rivais também despencam


(Reuters) - O valor do bitcoin recuou 18 por cento nesta terça-feira, atingindo uma mínima em quatro semanas perto de 11 mil dólares, após notícias de que a Coreia do Sul mantém a opção de banir o comércio de criptomoedas gerarem temor sobre uma repressão regulatória mais ampla.

O recuo do bitcoin desencadeou um enorme movimento de venda no mercado mais abrangente de criptomoedas, com a principal concorrente Ethereum recuando 23 por cento no dia, de acordo com o site Coinmarketcap, e a Ripple, em 33 por cento.

O site de notícias sul-coreano Yonhap informou que o ministro das Finanças, Kim Dong-yeon, disse a uma estação de rádio local que o governo vai chegar a um conjunto de medidas para conter o investimento “irracional” na moeda digital.

A Coreia do Sul havia dito na segunda-feira que seus planos de proibir as bolsas de cripotomoedas ainda não foram concluídos, e que as agências do governo ainda estão discutindo como regular o mercado.

O bitcoin reagiu às notícias e chegou a ser negociado a 11.191,59 dólares na bolsa Bitstamp, com sede no Luxemburgo, em queda de 18 por cento, colocando a moeda digital momentaneamente no caminho de registrar o maior recuo diário em três anos.

Às 11h50, o bitcoin [BTC=BTSP] recuava 13 por cento, a 11.823 dólares.

“São principalmente as questões regulatórias que estão assombrando a criptomoeda, com as notícias sobre a nova repressão da Coreia do Sul direcionando o mercado no hoje”, disse o estrategista-chefe da Think Markets, Naeem Aslam, que detém o que descreveu como quantidades “substanciais” de bitcoin, Ethereum e Ripple.

”Mas nós mantemos nossa posição. Nós não acreditamos que a proibição total de criptomoedas é possível”, disse ele.

As criptomoedas se valorizaram fortemente no ano passado com investidores tradicionais entrando o mercado e com a explosão das ofertas iniciais de moedas (ICOs) -- rodadas de captação de recursos baseadas em moeda digital.

Com a nova queda, o bitcoin acumula recuo de mais de 40 por cento ante o nível recorde de alta alcançado em meados de dezembro, a 20 mil dólares.

Por Jemima Kelly/Reuters

Postado por Passos 24 Horas on 17:52. Marcadores , . Adicionar aos favoritosRSS 2.0

Postagens Recentes

Passos 24 Horas

nome_imagem

Diversos