nome_imagem
nome_imagem
Publicidade
nome_imagem
nome_imagem
nome_imagem
nome_imagem

Consórcio AMEG recebe recursos para castrar 10.830 animais


A Associação Pública dos Municípios da Microrregião do Médio Rio Grande – CONSÓRCIO AMEG, recebeu recursos da ordem de R$ 1.177.972,00 para a esterilização de 9.610 cães e 1.220 gatos nos municípios que compõem o território da autarquia. O montante de recursos é o resultado da indicação de emenda parlamentar do Deputado Estadual Osvaldo Lopes ao orçamento do Governo do Estado de Minas Gerais via Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável – SEMAD/MG e a transferência via Fundo Especial do Ministério Público de Minas Gerais - FUNEMPE.

A partir de um esforço do MPMG e o compromisso firmado pelos municípios foi possível encaminhar e viabilizar os recursos repassados ao consórcio que ficará responsável pela execução do projeto. Os recursos serão destinados ao Programa Regional de Defesa da Vida Animal (PRODEVIDA) que foi idealizado pela Coordenadoria Estadual de Defesa da Fauna – CEDEF com a colaboração de consórcios públicos mineiros. Além dos recursos da emeda parlamentar no valor de R$ 600.000,00 que serão usados para a contratação de profissionais e clínicas veterinárias, o Ministério Público de Minas Gerais, através do FUNEMP também destinou recursos ao projeto que será executado em todas as regiões do estado. Desse fundo serão destinados à região da AMEG R$ 577.972,00 para a compra de materiais e medicamentos para a realização das 10.830 cirurgias.

Pelo grande volume de cirurgias a serem realizadas até o final de 2022, o Consórcio AMEG busca a ampliação da capacidade de realizar as cirurgias em seus municípios. Conforme o responsável técnico, o médico veterinário Cláudio Leal Soares, além do Castramóvel AMEG, veículo adquirido com recursos de emenda do Deputado Cássio Soares, a associação já adquiriu com recursos próprios, 90 mil reais, um trailer com capacidade de realização de duas cirurgias simultâneas. “Pelo grande volume de castrações, além do nosso furgão Castramóvel AMEG, também abriremos o credenciamento de clínicas particulares para a execução das cirurgias e já compramos um trailer que, somado ao outro centro cirúrgico, ampliaremos a capacidade de execução para até três procedimentos simultâneos, o que acreditamos, nos permitirá atingir as metas do Prodevida”, explica.

A AMEG vem realizando cirurgias em seus municípios desde dezembro de 2019. Apesar da pandemia de COVID-19 o projeto foi mantido e com todos os cuidados e cumprimento de protocolos de segurança sanitária tem levado o benefício à população da região. Já foram realizados mais de 1.300 atendimentos nos municípios de Passos, Piumhi, Capitólio, Delfinópolis, São João Batista do Glória, Cássia, Pratápolis, Capetinga e Carmo do Rio Claro com recursos da AMEG e dos associados.

Além das cirurgias de castração o projeto executado pela AMEG também prevê, paralelamente, a realização de um programa de educação ambiental e guarda responsável. Conforme a coordenação do programa, todos os tutores de animais de companhia que tiverem a intenção de submeter seus pets à esterilização, deverão participar de palestras nos dias de procedimentos, com temas como “O que é Guarda responsável e como exercê-la?”, “Bem estar animal”, “Maus tratos a animais”, “Por que castrar seu animal?”, “Adoção x Compra de Animais” e “Zoonoses e Saúde Pública”.

“Nós agradecemos em especial a indicação de emenda do Deputado Cássio Soares para a compra do Castramóvel da AMEG que vem ajudando os municípios no controle da população de cães e gatos. Agradecemos também o Deputado Osvaldo Lopes pela emenda de R$ 600 mil para a contratação de médicos veterinários e clínicas, e, não podemos esquecer de agradecer também à Coordenadora Estadual de Proteção à Fauna, a promotora de justiça, que é natural de Alpinópolis, Dra. Luciana Imaculada de Paula, pelo empenho e pela defesa da causa animal além da destinação dos R$ 577.972,00 do Funemp ao nosso projeto regional. A união dos esforços de todos vai nos ajudar a diminuir a quantidade de animais de rua que causam grandes transtornos e prejuízos aos municípios”, finaliza o prefeito de São José da Barra e presidente do Consórcio AMEG, Paulo Sérgio Leandro de Oliveira.

Por Ascom/AMEG - (16/09/2021)

Postado por Passos 24 Horas on 18:52. Marcadores , . Adicionar aos favoritosRSS 2.0

Postagens Recentes

Passos 24 Horas

nome_imagem

Diversos